Lina em Casa: Percursos 
 

Arquitetura Expositiva / Exhibition Design
Casa de Vidro - Instituto Lina Bo e P.M. Bardi, São Paulo.

12.04.2015 - 19.07.2015

scroll down for english

O projeto para a Exposição “Lina em Casa; Percursos” foi desenvolvido a fim de preservar a experiência espacial e a atmosfera única da Casa de Vidro. Por entender a Casa como o objeto principal de interesse dos visitantes e como legado da arquiteta a ser preservado, a organização dos expositores evita criar subdivisões espaciais que poderiam gerar uma sobreposição de arquiteturas. A disposição dos expositores é livre, o que permite vários caminhos não lineares ao longo do conteúdo da exposição. A estrutura tubular de aço busca, em sua materialidade mínima, a manutenção da transparência, de forma que os expositores não se tornem interrupções visuais. Duas formas-tipo definem a composição modular: a primeira é um cubo e a segunda, vertical, tem a dimensão frontal de uma porta destacando-se da altura da moldura da janela e possui profundidade mínima, suficiente para manter a estabilidade independente. Dentro da estrutura, caixas e painéis de acrílico são suspensos. Neles, desenhos, documentos, fotografias, objetos e textos originais se alternam. Os módulos podem ser desmontados, armazenados e reorganizados para futuras exposições. Esta exposição marca a reabertura da Casa de Vidro ao público, como o primeiro de muitos outros eventos e exposições que revelarão ao público o grande arquivo da arquiteta, atualmente armazenado na casa. O valioso legado de arquitetura de exposição deixado por Lina Bo Bardi é difícil de ser abordado na proposição (apresentação/exposição) de uma instalação em sua própria casa. O projeto proposto não tenta imitar estratégias, mas busca encontrar na própria Casa a sugestão de um conceito para o desenho, respeitando a linguagem arquitetônica já presente, destacando-a sem obstruir sua percepção. O conteúdo da exposição, com curadoria de Anna Carboncini e Renato Anelli, foi desenvolvido paralelamente ao conceito do projeto da arquitetura de exposição. Lina em Casa: Percursos reúne textos, fotografias, documentos, esboços, cartas e objetos que apresentam a trajetória intelectual de Lina Bo Bardi. Essa faz parte de uma iniciativa do Instituto Lina e P.M. Bardi em comemoração ao centenário de nascimento da arquiteta.

The design of the Exhibition Lina em Casa: Percursos (Lina at Home: Journeys) was developed with the intention to preserve the spatial experience and the unique atmosphere of Casa de Vidro. Understanding the House as the visitor´s major object of interest and legacy of the architect to be perceived, the organization of the exhibition stands avoids creating spatial subdivisions that could generate an overlap of architectures. The organization of exhibition stands is free, allowing for various non-linear paths along the exhibition´s content. The round steel structure searches in its minimal materiality to maintain transparency, in such a way that the stands would not become visual interruptions. Two typical forms define the modular composition. The first module is a cube. The second, vertical one, has the frontal dimension of a door, detaching from the window frame height, and minimal depth to maintain free-standing stability. Within the structural frame, acrylic boxes and panels are suspended. In them, original drawings, documents, photographs, objects and text alternate. The modular stands can be disassembled, stored and rearranged for future exhibitions. This exhibition marks the re-opening of Casa de Vidro to the public, possibly as the first of many other events and exhibitions that will reveal to the public the great archive of the architect, currently stored in the House. The valuable legacy in exhibition design by Lina Bo Bardi is challenging to address in the proposition of an installation in her own home. The design proposed doesn’t attempt to mimic strategies, but searched to find in the House itself the suggestion of a design concept, respecting the architectural language already present, highlighting it without obstructing its perception.The exhibition content, curated by Anna Carboncini and Renato Anelli, was developed parallel to the design concept. Lina em Casa: Percursos gathers texts, photographs, documents, sketches, letters and objects that present the intellectual trajectory of Lina Bo Bardi. It is part of an initiative by the Instituto Lina e P.M. Bardi in celebration of the architect´s birth centennial.

Arquitetura de Exposição: Marina Correia

Cliente: Instituto Lina e P.M. Bardi

Título da Exposição: “Lina em Casa: Percursos” 

Localização: Casa de Vidro, Rua General Almério de Moura, 200. São Paulo - SP, Brasil. 

Curadoria: Anna Carboncini e Renato Anelli

Organização: in.vertice comunicação e arte

Design Gráfico: Luciana Facchini

Producação: TZM Entretenimento

Cenografia e Construção: Estúdio Móbile Cenografia e Design

Fotografias: Claudia Kim, Marina Correia  e Renato Anelli